(64) 3603-2720
OUVIR AGORA
NO AR: Show de Sucessos

Notícias

Bandido de alta periculosidade é preso pelo GPT dentro de mata

11/01/2016 07:03:16 | Em: Diversos

Foi dentro de uma mata, na região da Fazenda Matrinchã, município de Israelândia, que o Grupo de Patrulhamento Tático (GPT) prendeu Júlio César Martins de Aguiar Ramos, elemento de alta periculosidade e contra o qual tinha três mandados de prisão.

 

O GPT de Iporá fazia patrulhamento no centro da cidade, quando avistou um indivíduo conduzindo um Ford Fiesta de cor vermelha e que parecia ser Júlio César Martins de Aguiar Ramos, elemento procurado desde algum tempo. Ele tem atividades criminosas em Mato Grosso e Goiás. Já participou de assalto nos Correios de Jaupaci.

 

O GPT acompanhou o veículo até quando este entrou numa chácara nas margens da GO-060, após a ponte do córrego Matrinchã. Em uma casa da chácara deixou um homem e uma mulher. Em seguida, a pé, adentrou numa mata. Os militares fizeram o cerco nessa mata. Sem saída, Júlio César rendeu-se.

 

Na residência da chácara, foram encontrados um revólver calibre 38 com 4 munições intactas, uma balança de precisão usada para pesagem de entorpecentes e aproximadamente 200 gramas de substância ilegal, aparentemente maconha. Encontrou ainda seis celulares e 2.505,00 reais em notas de pequeno valor.

 

Júlio César e Kátia de Sousa Pereira, sua esposa, e mais um outro elemento foram conduzidos à Delegacia de Polícia. Para esse terceiro elemento o delegado não viu culpabilidade. O material apreendido também foi recolhido para acompanhar a lavratura do flagrante. Já estão no presídio local Júlio César e Kátia de Sousa Pereira. Quanto ao Júlio a prisão foi por tráfico, associação ao tráfico e posse ilegal de arma. Sua esposa é presa por  tráfico e associação ao tráfico

Veja Também: